“Mulheres se destacam como ilustradoras de HQs” (Caderno Donna, ZH)

This is part of the article written by journalist Bruna Amaral for Zero Hora newspaper, 12/01/2012. Read the full version online or download the pdf file.

Porta aberta na internet

Os desenhos de Ana Luiza Koehler, 34 anos, ilustram principalmente publicações francesas e belgas. Formada em Arquitetura e Urbanismo

pela UFRGS, Ana tem a ilustração como atividade principal desde os 16 anos. Um de seus primeiros grandes trabalhos foi ilustrar os livros infantis do método de ensino alemão Wie Geht’s, da editora Freitag Publishing. Assim, as portas no Exterior se abriram pela internet.

_ Uma editora viu meus desenhos em um site francês e comecei a trabalhar com o mercado francobelga. Nunca mais parei. Às vezes, até recuso alguns trabalhos aqui porque nem sempre o que pagam vale _ observa.

A arquiteta de formação assinou as ilustrações do díptico Awrah, tomos 1 e 2, da Éditions Daniel Maghen, em 2010. De seu ateliê em casa, segue dando vida aos roteiros de editoras europeias e também já fez trabalhos para a DC Comics. Ana trabalha ainda com ilustrações científicas de arqueologia e história.

Ela garante que, com a internet, fazer sucesso no mundo dos quadrinhos ficou mais simples. Um diferencial é saber como atrair o público feminino:

_ Tem que fazer algo que a gente mesma queira ler, algo que corresponda à nossa sensibilidade e não se limite a repetir fórmulas já prontas _ ensina.”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s